jusbrasil.com.br
30 de Junho de 2022
  • 2º Grau
  • Repercussão Geral
  • Decisão de mérito
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE 666156 RJ

Supremo Tribunal Federal
há 2 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

RE 666156 RJ

Órgão Julgador

Tribunal Pleno

Partes

RECTE.(S) : GD EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S/A, RECDO.(A/S) : MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO

Publicação

16/06/2020

Julgamento

11 de Maio de 2020

Relator

ROBERTO BARROSO

Documentos anexos

Inteiro TeorSTF_RE_666156_4f973.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

Direito tributário. Recurso Extraordinário com Repercussão Geral. IPTU. Alíquotas diferenciadas. Lei Municipal Anterior à EC 29/2000. Constitucionalidade. Precedentes de ambas as Turmas.

1. Esta Corte, em diversos precedentes de ambas as Turmas, manifestou-se pela possibilidade da instituição de alíquotas diferenciadas de IPTU com base na destinação e situação do imóvel (residencial ou comercial, edificado ou não edificado), em período anterior à edição da Emenda Constitucional nº 29/2000. Entendeu-se que tal prática não se confunde com o estabelecimento de alíquotas progressivas, cuja constitucionalidade, em momento anterior à emenda constitucional, foi reconhecida apenas para assegurar o cumprimento da função social da propriedade.
2. Desse modo, mantenho o entendimento de ambas as Turmas desta Corte e nego provimento ao recurso. Proponho a fixação da seguinte tese em sede de repercussão geral: “São constitucionais as leis municipais anteriores à Emenda Constitucional nº 29/2000, que instituíram alíquotas diferenciadas de IPTU para imóveis edificados e não edificados, residenciais e não residenciais”.

Acórdão

Retirado de pauta em face da aposentadoria do Relator. Presidência do Senhor Ministro Joaquim Barbosa. Plenário, 26.11.2012. Decisão: O Tribunal, por maioria, apreciando o tema 523 da repercussão geral, negou provimento ao recurso extraordinário, prejudicados os embargos de declaração opostos pela recorrente, nos termos do voto do Relator, vencido o Ministro Marco Aurélio, que dava provimento ao recurso. Foi fixada a seguinte tese: “São constitucionais as leis municipais anteriores à Emenda Constitucional nº 29/2000, que instituíram alíquotas diferenciadas de IPTU para imóveis edificados e não edificados, residenciais e não residenciais”. Falou, pela recorrente, o Dr. Diogo Ferraz Lemos Tavares. Plenário, Sessão Virtual de 1.5.2020 a 8.5.2020.

Referências Legislativas

  • LEG-FED CF ANO-1988 ART- 00102 INC-00003 LET- A ART- 00146 INC-00003 ANEXO-A ART- 00150 INC-00001 INC-00001 ART- 00156 PAR-00001 REDAÇÃO DADA PELA EMC-29/2000 ART- 00156 PAR-00001 INC-00001 INCLUÍDO PELA EMC-29/2000 ART- 00156 PAR-00001 INC-00002 INCLUÍDO PELA EMC-29/2000 ART- 00182 PAR-00004 INC-00002 CF-1988 CONSTITUIÇÃO FEDERAL
  • LEG-FED EMC-000029 ANO-2000 EMENDA CONSTITUCIONAL
  • LEG-FED SUMSTF-000282 SÚMULA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL STF
  • LEG-FED SUMSTF-000284 SÚMULA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL STF
  • LEG-FED SUMSTF-000356 SÚMULA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL STF
  • LEG-FED SUMSTF-000668 SÚMULA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL STF
  • LEG-MUN LEI- 000691 ANO-1984 ART-00067 INC-00001 REDAÇÃO DADA PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 INC-00001 ITEM-1 REDAÇÃO DADA PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 INC-00001 ITEM-2 REDAÇÃO DADA PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 INC-00002 REDAÇÃO DADA PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 INC-00003 REDAÇÃO DADA PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 PAR- ÚNICO INCLUÍDO PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 PAR- ÚNICO INC-00001 INCLUÍDO PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 PAR- ÚNICO INC-00001 ITEM-1 INCLUÍDO PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 PAR- ÚNICO INC-00001 ITEM-2 INCLUÍDO PELA LEI- 2955/1999 ART-00067 PAR- ÚNICO INC-00002 INCLUÍDO PELA LEI- 2955/1999 LEI ORDINÁRIA DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, RJ
  • LEG-MUN LEI- 002955 ANO-1999 LEI ORDINÁRIA DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, RJ

Observações

- Acórdão (s) citado (s): (IPTU PROGRESSIVO, ALÍQUOTA DIFERENCIADA) RE 229233 (2ªT), AI 457057 AgR (2ªT), RE 432989 AgR (2ªT), RE 457982 AgR (2ªT), AI 470555 AgR (1ªT), AI 642412 AgR (1ªT), RE 469360 AgR (2ªT), AI 582467 AgR (2ªT), RE 422592 AgR (1ªT), AI 772064 AgR (1ªT). (IPTU PROGRESSIVO, ISENÇÃO FISCAL PARCIAL) RE 192727 (2ªT), RE 194036 (2ªT), AI 456513 ED (1ªT). Número de páginas: 25. Análise: 01/02/2021, SOF.
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/865637002/recurso-extraordinario-re-666156-rj

Informações relacionadas

Camila Silva, Estudante de Direito
Artigoshá 6 anos

Impostos Federais, Estaduais e Municipais

Hébia Machado, Bacharel em Direito
Artigoshá 9 anos

A função ambiental da propriedade

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 7 meses

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1787156 RS 2016/0009572-3

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciaano passado

Tribunal Superior do Trabalho TST - RECURSO DE REVISTA: RR 100XXXX-67.2019.5.02.0034

(Modelo) Recurso Extraordinário - Estudos para 2ª fase OAB -Constitucional.