jusbrasil.com.br
18 de Maio de 2022
  • 2º Grau
  • Controle Concentrado de Constitucionalidade
  • Decisão de mérito
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE: ADI 1926 PE

Supremo Tribunal Federal
há 2 anos
Detalhes da Jurisprudência
Processo
ADI 0004080-89.1998.1.00.0000 PE
Órgão Julgador
Tribunal Pleno
Partes
REQTE.(S) : CONSELHO FEDERAL DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, INTDO.(A/S) : GOVERNADOR DO ESTADO DE PERNAMBUCO, INTDO.(A/S) : ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE PERNAMBUCO
Publicação
02/06/2020
Julgamento
20 de Abril de 2020
Relator
ROBERTO BARROSO
Documentos anexos
Inteiro TeorSTF_ADI_1926_1b18a.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

DIREITO CONSTITUCIONAL E TRIBUTÁRIO. AÇÃO DIRETA. LEI ESTADUAL QUE REGULAMENTA TAXA JUDICIÁRIA, CUSTAS E EMOLUMENTOS DO ESTADO DE PERNAMBUCO. CONSTITUCIONALIDADE.

1. Ação direta em que se discute a constitucionalidade dos arts. 1º; 20, caput; 26, caput e § 4º; 27, caput e § 2º; 38 (na parte em que revoga o art. 2º, § 1º, da Lei nº 10.852/1992) e das Tabelas A, B, C, D, E, F, G e H, da Lei Estadual nº 11.404/1996, do Estado de Pernambuco, que regulamenta as taxas, custas e emolumentos cobrados no âmbito do Poder Judiciário.
2. A revogação do § 4º, do art. 26, pela Lei Estadual nº 14.989/2013, bem como a modificação substancial das Tabelas A, B, C, D, E, F, G e H pelas Leis Estaduais nº 12.148/2001 e nº 12.978/2005 prejudicam parcialmente o objeto da ação.
3. Indeferimento do pedido de aditamento da inicial para incluir as alterações trazidas pela Lei Estadual nº 12.978/2005. A jurisprudência desta Corte é no sentido de que o aditamento à inicial somente é possível nas hipóteses em que a inclusão da nova impugnação (i) dispense a requisição de novas informações e manifestações; e (ii) não prejudique o cerne da ação, o que não ocorre no presente caso. Precedente.
4. O Supremo Tribunal Federal vem afirmando a validade da utilização do valor da causa como base de cálculo das taxas judiciárias e custas judiciais estaduais, desde que haja fixação de alíquotas mínimas e máximas e mantida razoável correlação com o custo da atividade prestada. Precedentes.
5. Os dispositivos da Lei Estadual nº 11.404/1996 que tratam de fixação de emolumentos para os serviços notariais e de registro não violam a competência da União para estabelecer normas gerais sobre a matéria ( CF/88, art. 24, IV), visto que os Estados detêm competência suplementar e podem exercê-la de maneira plena na ausência de legislação federal ( CF/88, art. 24, § 2º e ).
6. A jurisprudência desta Corte fixou-se no sentido de que o produto da arrecadação da taxa judiciária pode ser destinado a despesas diversas à remuneração do serviço de prestação jurisdicional, desde que não haja destinação a instituições privadas, entidades de classe ou Caixa de Assistência dos Advogados. Precedentes.
7. Ação conhecida em parte e, nessa parte, julgada improcedente.

Acórdão

O Tribunal, por maioria, conheceu parcialmente da ação e, na parte conhecida, julgou improcedente o pedido para declarar a constitucionalidade dos dispositivos impugnados da Lei Estadual nº 11.404/1996, ficando revogada a cautelar parcialmente concedida para suspender a eficácia do art. 38 da Lei Estadual nº 11.404/1996, na parte em que revoga o art. 2º, § 1º, da Lei nº 10.852/1992, nos termos do voto do Relator, vencido o Ministro Gilmar Mendes. Não participou deste julgamento, por motivo de licença médica no início da sessão, o Ministro Celso de Mello (art. 2º, § 5º, da Res. 642/2019). Impedido o Ministro Dias Toffoli (Presidente). Plenário, Sessão Virtual de 10.4.2020 a 17.4.2020.

Referências Legislativas

  • LEG-FED CF ANO-1988 ART- 00005 INC-00035 INC-00055 ART- 00024 INC-00004 PAR-00002 PAR-00003 ART- 00098 PAR-00002 ART- 00099 ART- 00145 INC-00002 PAR-00002 ART- 00150 INC-00004 ART- 00167 INC-00004 CF-1988 CONSTITUIÇÃO FEDERAL
  • LEG-FED LEI- 009868 ANO-1999 ART-00027 LEI ORDINÁRIA
  • LEG-FED RES-000642 ANO-2019 ART-00002 PAR-00005 RESOLUÇÃO
  • LEG-EST LEI-010852 ANO-1992 ART-00002 INC-00001 INC-00002 PAR-00001 LEI ORDINÁRIA, PE
  • LEG-EST LEI-011404 ANO-1996 ART-00001 ART-00020 "CAPUT" ART-00022 PAR-00002 ART-00026 "CAPUT" PAR-00004 ART-00027 "CAPUT" PAR-00001 PAR-00002 PAR-00003 PAR-00004 ART-00029 INC-00001 INC-00002 ART-00033 ART-00038 TABELA-A TABELA-B TABELA-C TABELA-D TABELA-E TABELA-F TABELA-G TABELA-H LEI ORDINÁRIA, PE
  • LEG-EST LEI-012148 ANO-2001 LEI ORDINÁRIA, PE
  • LEG-EST LEI-012978 ANO-2005 LEI ORDINÁRIA, PE
  • LEG-EST LEI-014989 ANO-2013 ART-00026 PAR-00004 LEI ORDINÁRIA, PE

Observações

- Acórdão (s) citado (s): (ADI, ADITAMENTO À PETIÇÃO INICIAL, REQUISITO) ADI 4265 AgR (TP). (VALOR DA CAUSA, BASE DE CÁLCULO, TAXA JUDICIÁRIA, CUSTAS, LIMITE MÁXIMO, LIMITE MÍNIMO) ADI 2078 (TP), ADI 3826 (TP). (RECEITA, TAXA JUDICIÁRIA, DESTINAÇÃO, REMUNERAÇÃO, SERVIÇO, PRESTAÇÃO JURISDICIONAL) ADI 2982 (TP). (CUSTAS, EMOLUMENTO EXTRAJUDICIAL, NATUREZA JURÍDICA, TAXA) ADI 948 (TP), ADI 1772 MC (TP), ADI 1378 MC (TP). (TAXA, PROPORCIONALIDADE, CUSTO, ATIVIDADE ESTATAL) ADI 2551 MC-QO (TP), ADI 2040 MC (TP). (COEXISTÊNCIA, TAXA JUDICIÁRIA, CUSTAS) RE 594116 (TP), AI 309883 ED (1ªT). Número de páginas: 39. Análise: 24/05/2021, JRS.
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/865397668/acao-direta-de-inconstitucionalidade-adi-1926-pe

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado da Bahia
Jurisprudênciahá 3 anos

Tribunal de Justiça do Estado da Bahia TJ-BA - Agravo de Instrumento: AI 0015811-92.2017.8.05.0000

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1900882 MA 2020/0268955-2

Tribunal de Justiça de Rondônia TJ-RO - APELAÇÃO CÍVEL: AC 0006997-85.2015.822.0001 RO 0006997-85.2015.822.0001