jusbrasil.com.br
6 de Julho de 2022
  • 2º Grau
  • Controle Concentrado de Constitucionalidade
  • Decisão de mérito
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE: ADI 821 RS

Supremo Tribunal Federal
há 7 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

ADI 0002154-40.1992.0.01.0000 RS

Órgão Julgador

Tribunal Pleno

Partes

REQTE.(S) : GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, INTDO.(A/S) : ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

Publicação

26/11/2015

Julgamento

2 de Setembro de 2015

Relator

GILMAR MENDES

Documentos anexos

Inteiro TeorSTF_ADI_821_b0c7b.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

Ação direta de inconstitucionalidade.
2. Artigos 238 e 239 da Constituição do estado do Rio Grande do Sul.
3. Lei estadual n. 9.726/1992.
4. Criação do Conselho de Comunicação Social.
5. O art. 61, § 1º, inciso II, alínea a da Constituição Federal, prevê reserva de iniciativa do chefe do Poder Executivo para criação e extinção de ministérios e órgãos da administração pública.
6. É firme a jurisprudência desta Corte orientada pelo princípio da simetria de que cabe ao Governador do Estado a iniciativa de lei para criação, estruturação e atribuições de secretarias e de órgãos da administração pública.
7. Violação ao princípio da separação dos poderes, pois o processo legislativo ocorreu sem a participação chefe do Poder Executivo.
8. Ação direta julgada procedente.

Acórdão

O Tribunal, por unanimidade e nos termos do voto do Relator, julgou procedente a ação direta para declarar a inconstitucionalidade dos artigos 238 e 239 da Constituição do Estado do Rio Grande do Sul, e, por conseguinte, da Lei nº 9.726/1992. Ausentes, justificadamente, os Ministros Celso de Mello, Cármen Lúcia e, neste julgamento, o Ministro Ricardo Lewandowski (Presidente). Presidiu o julgamento o Ministro Marco Aurélio (art. 37, I, RISTF). Plenário, 02.09.2015.

Referências Legislativas

Observações

- Acórdão (s) citado (s): (INICIATIVA DE LEI, CRIAÇÃO, EXTINÇÃO, ÓRGÃO, ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA) ADI 1144 (TP), ADI 1275 (TP), ADI 2329 (TP), ADI 2808 (TP), ADI 3179 (TP), ADI 3180 (TP), ADI 3644 (TP). Número de páginas: 13. Análise: 26/11/2015, AMA.
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/864009056/acao-direta-de-inconstitucionalidade-adi-821-rs

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1765113 RJ 2018/0234021-7

Tribunal de Justiça do Paraná
Jurisprudênciaano passado

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - Suspensão de Segurança: SS 000XXXX-26.2017.8.16.0101 PR 000XXXX-26.2017.8.16.0101 (Acórdão)

Advocacia e Concursos Jurídicos, Procurador e Advogado Público
Modeloshá 2 anos

[Modelo] Contrarrazões à Apelação

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 4 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1765113 RJ 2018/0234021-7

Yago de Carvalho Vasconcelos, Advogado
Artigoshá 6 anos

O §1° do artigo 489 do Novo CPC e as "falsas fundamentações"