jusbrasil.com.br
20 de Outubro de 2021
2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - AG.REG. NO HABEAS CORPUS : AgR HC 0000931-89.2015.1.00.0000 SP - SÃO PAULO 0000931-89.2015.1.00.0000

Supremo Tribunal Federal
há 6 anos
Detalhes da Jurisprudência
Processo
AgR HC 0000931-89.2015.1.00.0000 SP - SÃO PAULO 0000931-89.2015.1.00.0000
Órgão Julgador
Segunda Turma
Partes
PACTE.(S) LUCAS DE CAMPOS RIBEIRO, IMPTE.(S) ADILSON ANTUNES (0139646/SP), COATOR(A/S)(ES) SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA
Publicação
DJe-091 18-05-2015
Julgamento
5 de Maio de 2015
Relator
Min. CÁRMEN LÚCIA
Documentos anexos
Inteiro TeorSTF_AGR-HC_127486_33836.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO REGIMENTAL EM HABEAS CORPUS. CONSTITUCIONAL. PENAL. TRÁFICO DE ENTORPECENTE E PRISÃO CAUTELAR. PRISÃO EM FLAGRANTE CONVERTIDA EM PREVENTIVA. ALEGAÇÃO DE AUSÊNCIA DE FUNDAMENTO IDÔNEO PARA PRISÃO PREVENTIVA E DE EXISTÊNCIA DE CONDIÇÕES SUBJETIVAS PARA SOLTURA DO AGRAVANTE: IMPROCEDÊNCIA. PEDIDO CONTRÁRIO À JURISPRUDÊNCIA DOMINANTE DESTE SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. PRECEDENTES. AGRAVO AO QUAL SE NEGA PROVIMENTO.

1. Considerado o que decidido nas instâncias antecedentes e as circunstâncias em que praticado o delito, a decisão de prisão preventiva do Agravante harmoniza-se com a jurisprudência deste Supremo Tribunal, que assentou que a periculosidade do agente, evidenciada pelo modus operandi, constitui motivo idôneo para a custódia cautelar.
2. É firme a jurisprudência deste Supremo Tribunal Federal no sentido de que as condições subjetivas favoráveis do Agravante, tais como emprego lícito, residência fixa e família constituída, não obstam a segregação cautelar. Precedentes.
3. Pode o Relator, com fundamento no art. 21, § 1º, do Regimento Interno deste Supremo Tribunal Federal, negar seguimento ao habeas corpus manifestamente inadmissível, improcedente ou contrário à jurisprudência dominante, embora sujeita a decisão a agravo regimental.

Acórdão

A Turma, por votação unânime, negou provimento ao agravo regimental, nos termos do voto da Relatora. Ausente, justificadamente, o Senhor Ministro Dias Toffoli. Presidência do Senhor Ministro Teori Zavascki. 2ª Turma, 05.05.2015.

Referências Legislativas

  • LEG-FED RGI ANO-1980 ART-00021 PAR-00001 RISTF-1980 REGIMENTO INTERNO DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

Observações

- Acórdão (s) citado (s): (PRISÃO PREVENTIVA, PERICULOSIDADE, FORMA, EXECUÇÃO DO CRIME) RHC 84480 (2ªT), HC 119457 (2ªT), RHC 121750 (1ªT). (PRISÃO PREVENTIVA, CIRCUNSTÂNCIA PESSOAL FAVORÁVEL) HC 96182 (1ªT). (MINISTRO RELATOR, JULGAMENTO, HC, DECISÃO MONOCRÁTICA) HC 96883 AgR (1ªT), HC 109133 AGR (TP). - Decisões monocráticas citadas: (MINISTRO RELATOR, JULGAMENTO, HC, DECISÃO MONOCRÁTICA) HC 87271, HC 87921, HC 88803, HC 89994, HC 90978, HC 91476, HC 92206, HC 92595, HC 92504, HC 92881, HC 92989 MC, HC 93219 MC, HC 93343 MC, HC 93973, HC 93983, HC 94134, HC 96883 MC. Número de páginas: 17. Análise: 28/05/2015, IMC.
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/863969824/agreg-no-habeas-corpus-agr-hc-127486-sp-sao-paulo-0000931-8920151000000

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 7 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - HABEAS CORPUS : HC 0018129-74.2015.3.00.0000 SP 2015/0018129-4

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 11 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - HABEAS CORPUS : HC 9992065-87.2013.1.00.0000