jusbrasil.com.br
27 de Maio de 2022
  • 2º Grau
  • Repercussão Geral
  • Decisão de mérito
  • Decisão de Admissibilidade
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - REPERCUSSÃO GERAL NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO: ARE 909437 RJ

Supremo Tribunal Federal
há 6 anos
Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
Tribunal Pleno
Partes
RECTE.(S) : ESTADO DO RIO DE JANEIRO, RECDO.(A/S) : SERGIO RICARDO VON SYDOW E OUTRO(A/S)
Publicação
11/10/2016
Julgamento
1 de Setembro de 2016
Relator
ROBERTO BARROSO
Documentos anexos
Inteiro TeorSTF_RG-ARE_909437_444c5.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

DIREITO CONSTITUCIONAL E ADMINISTRATIVO. AGRAVO EM RECURSO EXTRAORDINÁRIO. REAJUSTE DE 24% PARA OS SERVIDORES DO JUDICIÁRIO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO. LEI Nº 1.206/1987. ISONOMIA. REPERCUSSÃO GERAL. REAFIRMAÇÃO DE JURISPRUDÊNCIA.

1. Não cabe ao Poder Judiciário, que não tem função legislativa, aumentar vencimentos de servidores públicos sob fundamento de isonomia. Súmula 339/STF e Súmula Vinculante 37.
2. Reconhecimento da repercussão geral da questão constitucional, com reafirmação da jurisprudência da Corte, para assentar a seguinte tese: “Não é devida a extensão, por via judicial, do reajuste concedido pela Lei nº 1.206/1987 aos servidores do Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro, dispensando-se a devolução das verbas recebidas até 01º.09.2016 (data da conclusão deste julgamento)”.

Acórdão

Decisão: O Tribunal, por unanimidade, reputou constitucional a questão. O Tribunal, por unanimidade, reconheceu a existência de repercussão geral da questão constitucional suscitada. No mérito, por maioria, reafirmou a jurisprudência dominante sobre a matéria, vencidos os Ministros Marco Aurélio e Luiz Fux. Não se manifestou a Ministra Rosa Weber. Ministro ROBERTO BARROSO Relator

Referências Legislativas

Observações

- Acórdão (s) citado (s): (RESERVA DE PLENÁRIO, INVALIDADE, NORMA ANTERIOR, CONSTITUIÇÃO FEDERAL) RE 660968 RG, ARE 914045 RG. (SUPERAÇÃO, NULIDADE, DECISÃO DE MÉRITO, FAVORECIMENTO, PARTE PROCESSUAL) RE 586693 RG. (REAJUSTE, REMUNERAÇÃO, SERVIDOR PÚBLICO, PRINCÍPIO DA ISONOMIA) ARE 841799 AgR (2ªT), ARE 855723 AgR-segundo (2ªT), ARE 806463 AgR (2ªT) - Decisões monocráticas citadas: (REAJUSTE, REMUNERAÇÃO, SERVIDOR PÚBLICO, PRINCÍPIO DA ISONOMIA) ARE 791553, ARE 869812. Número de páginas: 40. Análise: 28/10/2016, IMC.
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/861464061/repercussao-geral-no-recurso-extraordinario-com-agravo-are-909437-rj

Informações relacionadas

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 2 anos

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE 905357 RR

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 4 anos

Supremo Tribunal Federal STF - AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO: AgR ARE 1101936 PR - PARANÁ 0007072-88.2012.8.16.0004

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO EM MANDADO DE SEGURANÇA: AgRg no RMS 26467 RO 2008/0049471-3

Leonardo Sarmento, Professor de Direito do Ensino Superior
Artigoshá 7 anos

Ministro do Supremo teria praticado crime de responsabilidade passível de processo de “impeachment”

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1647425 RJ 2016/0241825-7