jusbrasil.com.br
15 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX SC

Supremo Tribunal Federal
há 21 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

Tribunal Pleno

Partes

Publicação

Julgamento

Relator

NÉRI DA SILVEIRA

Documentos anexos

Inteiro TeorRE_190985_SC-_14.02.1996.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

- Recurso extraordinário. Ação direta de inconstitucionalidade.

2. Pedido acolhido, em parte, pelo Tribunal de Justiça catarinense, para declarar a inconstitucionalidade dos artigos 76 e 77, incisos I, III, IV, V, VI e VII, da Lei Complementar n.º 31/90.
3. Alegação de ofensa ao art. 71, VIII, da CF.
4. Parecer da PGR pelo provimento do recurso extraordinário.
5. Afastada a incompetência do Tribunal a quo para processar e julgar, originariamente, a ação direta de inconstitucionalidade de normas estaduais, em face de expresso dispositivo da Constituição do mesmo Estado.
6. Recurso extraordinário conhecido e provido para julgar improcedente a ação direta de inconstitucionalidade e declarar a constitucionalidade dos arts. 76 e 77, incisos I, III, IV, V, VI e VII, ambos da Lei Complementar n.º 31, de 27.9.1990, do Estado de Santa Catarina.
7. Não é possível, efetivamente, entender que as decisoes das Cortes de Contas, no exercício de sua competência constitucional, não possuam teor de coercibilidade. Possibilidade de impor sanções, assim como a lei disciplinar.
8. Certo está que, na hipótese de abuso no exercício dessas atribuições por agentes da fiscalização dos Tribunais de Contas, ou de desvio de poder, os sujeitos passivos das sanções impostas possuem os meios que a ordem jurídica contém para o controle de legalidade dos atos de quem quer que exerça parcela de autoridade ou poder, garantidos, a tanto, ampla defesa e o devido processo legal.
9. As normas impugnadas prevêem possam as multas ser dosadas, até o máximo consignado nessas regras legais. Disso resulta a possibilidade, sempre, de se estabelecer relação de proporcionalidade entre o dano e a multa.

Resumo Estruturado

PC4433 , COMPETÊNCIA JURISDICIONAL (CÍVEL), AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE, TRIBUNAL DE JUSTIÇA, DISPOSITIVO ESTADUAL, CONSTITUCIONALIDADE, CONTROLE CONCENTRADO, COMPETÊNCIA, CONSTITUIÇÃO ESTADUAL, CONSTITUIÇÃO FEDERAL, DISPOSITIVO, REPETIÇÃO, TRIBUNAL ESTADUAL, LEI ESTADUAL,NORMA CONSTITUCIONAL ESTADUAL, CONTRARIEDADE, APRECIAÇÃO, POSSIBILIDADE. CT0286 , TRIBUNAL DE CONTAS, COMPETÊNCIA, TEOR COERCITIVO, PODER DE FISCALIZAÇÃO, EXISTÊNCIA, DINHEIRO PÚBLICO, APLICAÇÃO, ATOS, CONTROLE, VIABILIDADE, SANÇÕES, IMPOSIÇÃO, POSSIBILIDADE, LEI REGULAMENTADORA, EXISTÊNCIA, NECESSIDADE, CONSTITUIÇÃO ESTADUAL, LEI ESTADUAL, TRIBUNAL DE CONTAS ESTADUAL, SANÇÕES, MULTA, APLICAÇÃO, REGULAMENTAÇÃO, NORMA IMPUGNADA, MULTA, DOSAGEM, LIMITES MÁXIMOS, ESTABELECIMENTO, DANO, SANÇÃO, PROPORCIONALIDADE, OBSERVÂNCIA, VIABILIZAÇÃO, DISPOSITIVOS LEGAIS ESTADUAIS, CONSTITUCIONALIDADADE.

Doutrina

  • Obra: ANOTAÇÕES À CONSTITUIÇÃO DE 1988 - ASPECTOS FUNDAMENTAIS
  • Autor: NAGIB SLAIVI FILHO
  • Obra: COMENTÁRIOS À CONSTITUIÇÃO DE 1988
  • Autor: JOSÉ CRETELLA JÚNIOR
  • Obra: DIREITO ADMINISTRATIVO BRASILEIRO
  • Autor: HELY LOPES MEIRELLES

Referências Legislativas

Observações

Votação: Unânime. Resultado: Conhecido e provido o recurso extraordinário, para julgar improcedente a ação direta de inconstitucionalidade proposta no Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina. Acórdãos citados: RCL-383; ; ADI-652; RP-764; ; RE-78568; . N.PP.:.(RTJ-147/404)(RTJ-50/245) Análise:(CMM). Revisão:(AAF). Inclusão: 05/09/01, (MLR). Alteração: 10/09/01, (MLR).
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/744627/recurso-extraordinario-re-190985-sc

Informações relacionadas

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 11 anos

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX DF

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 15 anos

Supremo Tribunal Federal STF - MANDADO DE SEGURANÇA: MS 25880 DF

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 15 anos

Supremo Tribunal Federal STF - MANDADO DE SEGURANÇA: MS 24631 DF

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciaano passado

Supremo Tribunal Federal STF - MANDADO DE SEGURANÇA: MS 37514 DF XXXXX-43.2020.1.00.0000

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 8 anos

Supremo Tribunal Federal STF - MANDADO DE SEGURANÇA: MS 33322 DF