jusbrasil.com.br
17 de Setembro de 2021
2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO : RE 576155 DF

Supremo Tribunal Federal
há 13 anos
Detalhes da Jurisprudência
Processo
RE 576155 DF
Partes
MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS, BRINK MOBIL EQUIPAMENTOS EDUCACIONAIS LTDA, JACQUES VELOSO DE MELO E OUTRO(A/S), DISTRITO FEDERAL, PGDF - TIAGO STREIT FONTANA, UNIÃO, PROCURADORIA-GERAL DA FAZENDA NACIONAL
Publicação
DJe-047 DIVULG 11/03/2009 PUBLIC 12/03/2009
Julgamento
4 de Março de 2009
Relator
RICARDO LEWANDOWSKI
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Decisão

    Pet. 146.065/2008     A Fazenda Nacional requer o seu ingresso no presente recurso extraordinário na qualidade de amicus curiae.   Aduz que se cuida de   'discussão com repercussão geral reconhecida e cujo tema é de manifesto interesse da Fazenda Nacional: a possibilidade de ajuizamento pelo Ministério Público de ação civil pública em matéria tributária' (fl. 695).   De acordo com o § 6º do art. 543-A do Código de Processo Civil:   'O Relator poderá admitir, na análise da repercussão geral, a manifestação de terceiros, subscrita por procurador habilitado, nos termos do Regimento Interno do Supremo Tribunal Federal'.   Por sua vez, o § 2º do art. 323 do RISTF assim disciplinou a matéria:   'Mediante decisão irrecorrível, poderá o (a) Relator (a) admitir de ofício ou a requerimento, em prazo que fixar, a manifestação de terceiros, subscrita por procurador habilitado, sobre a questão da repercussão geral'.   A esse respeito, assim se manifestou o eminente Min. Celso de Mello, Relator, no julgamento da ADI 3.045/DF:   'a intervenção do amicus curiae, para legitimar-se, deve apoiar-se em razões que tornem desejável e útil a sua atuação processual na causa, em ordem a proporcionar meios que viabilizem uma adequada resolução do litígio constitucional'.   Verifico que o pedido foi formulado por órgão que atende aos requisitos necessários para participar da presente causa na condição de amicus curiae.   No entanto, em virtude de a publicação da inclusão em pauta deste processo haver se dado em 24/9/2008 e a presente solicitação ter sido realizada apenas em 17/10/2008, admito a participação da Fazenda Nacional como amicus curiae tão-somente para receber futuros memoriais e para a realização, caso queira, da sustentação oral na ses (i) são de julgamento.   Isso po (ii) sto, defiro o pedido formulado nas condições acima estabelecidas.   Publique-se.   Brasília, 4 de março de 2009.         Ministro RICARDO LEWANDOWSKI - Relator -     1

Referências Legislativas

Observações

Legislação feita por:(MDC).
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/3097610/recurso-extraordinario-re-576155

Informações relacionadas

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 13 anos

Supremo Tribunal Federal STF - REPERCUSSÃO GERAL NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO : RG RE 576155 DF - DISTRITO FEDERAL

LEGITIMIDADE. MINISTÉRIO PÚBLICO. AÇÃO CIVIL PÚBLICA. NULIDADE DE ACORDO PARA PAGAMENTO DE DÉBITO TRIBUTÁRIO. DETRIMENTO DO PATRIMÔNIO PÚBLICO E DA ORDEM TRIBUTÁRIA. REPERCUSÃO JURÍDICA.
Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 10 anos

Supremo Tribunal Federal STF - EMB.DECL. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO : RE 576155 DF

Petição 84198/2011-STF. BRINK MOBIL EQUIPAMENTOS EDUCACIONAIS LTDA requer a extinção do processo sem julgamento de mérito. Para tanto, argumentou que com a edição da Lei Distrital 4.100 /2008, que revogou a Lei Distrital 2.381 /1999, e do Convênio 86 /2011 do CONFAZ, houve perda do objeto do presente feito. A questão …
Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 11 anos

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO : RE 576155 DF - DISTRITO FEDERAL

AÇÃO CIVIL PÚBLICA. LEGITIMIDADE ATIVA. MINISTÉRIO PÚBLICO DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS. TERMO DE ACORDO DE REGIME ESPECIAL - TARE. POSSÍVEL LESÃO AO PATRIMÔNIO PÚBLICO. LIMITAÇÃO À ATUAÇÃO DO PARQUET. INADMISSIBILIDADE. AFRONTA AO ART. 129, III, DA CF. REPERCUSSÃO GERAL RECONHECIDA. RECURSO EXTRAORDINÁRIO PROVIDO.