jusbrasil.com.br
3 de Julho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE 414259 MG

Supremo Tribunal Federal
há 18 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

RE 414259 MG

Partes

MINAS GERAIS, MIN. NELSON JOBIM, DROGARIA ARAUJO S/A E OUTRO(A/S), HÉRCULES GUERRA E OUTRO(A/S), ESTADO DE MINAS GERAIS, ADVOCACIA-GERAL DO ESTADO - MG - ELAINE COURA

Publicação

DJ 25/03/2004 PP-00107

Julgamento

4 de Março de 2004

Relator

Min. NELSON JOBIM
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Decisão

O acórdão recorrido confirma a orientação do STF, fixada neste precedente:"TRIBUTÁRIO. ESTADO DE SÃO PAULO. IMPOSTO SOBRE PROPRIEDADE DE VEÍCULOS AUTOMOTORES. LEI Nº 6.606/89, COM AS ALTERAÇÕES DAS LEIS Nº 7.002/90 E 7.644/91. PRETENSA INCOMPATIBILIDADE COM AS NORMAS DOS ARTS. 24, § 3º; 150, II E IV, E 146, III, A, DA CONSTITUIÇÃO.Descabimento da alegação, tendo em vista que o constituinte de 1988, como revela o art. 34 do ADCT, autorizou a edição, pelos Estados, das leis necessárias à aplicação do sistema tributário nacional nela previsto (§ 3º), que entrou em vigor em 1º de março de 1989 (caput).Ficaram os Estados, portanto, legitimados a ditar as normas gerais indispensáveis à instituição dos novos impostos, o que foi cumprido, em relação ao IPVA, no exercício da competência concorrente prevista no art. 24 e em seu § 3º, da Carta, com vigência até o advento da lei complr da União (§ 4º), ainda não editada.A única exceção foi relativa ao novo ICMS, cujas normas gerais foram estabelecidas, em caráter provisório, por meio de convênio celebrado pelos Estados (§ 8º).Diversidade de alíquotas em razão da natureza do combustível (álcool e gasolina) que por contemplar coisas distintas, não ofende o princípio da isonomia, nem configura tributo progressivo."( RE 236931, GALVÃO, DJ 29.10.99).No mesmo sentido foram julgados o AGRAG 167.777, DJ 09.05.97; AGRRE 203.301, DJ 10.12.99; AGRRE 206.500, DJ 17.12.99; RE 206.003 DJ, 25.02.00.Nego seguimento ao recurso (RISTF art. 21, § 1º; CPC, art. 557).Publique-se.Brasília, 04 de março de 2004.Ministro NELSON JOBIM Relator

Referências Legislativas

Observações

Legislação feita por:(ERR).
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/14801862/recurso-extraordinario-re-414259-mg-stf

Informações relacionadas

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 13 anos

Supremo Tribunal Federal STF - MEDIDA CAUTELAR NA AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE: ADI 4016 PR

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 14 anos

Supremo Tribunal Federal STF - REPERCUSSÃO GERAL NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE 562045 RS

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 22 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 236931 RJ 1999/0099555-4

Doutrina2020 Editora Revista dos Tribunais

Art. 145 - Constituição Federal

Doutrina2021 Editora Revista dos Tribunais

Art. 145