jusbrasil.com.br
11 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX ES

Supremo Tribunal Federal
há 17 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

Primeira Turma

Publicação

Julgamento

Relator

Min. SEPÚLVEDA PERTENCE

Documentos anexos

Inteiro TeorRE_235623_ES_1279060747768.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

1. Recurso extraordinário: descabimento: ausência de prequestionamento dos princípios da legalidade e da moralidade ( CF, art. 37, caput): incidência das Súmulas 282 e 356. 2. Adicional por tempo de serviço: não sendo vantagem prevista nem disciplinada na Constituição Federal, não a viola a lei estadual que manda computar para o seu cálculo o tempo em que o servidor fora serventuário contratado de cartório não oficializado: o regime privado da atividade notarial e de registro, estabelecido pelo art. 236 da Lei Fundamental, não impede que o tempo de serviço nela cumprido seja tido, por lei, como fato aquisitivo do direito ao adicional. Precedente: RE 245.171, 1ª T., 12.9.2000, Pertence, DJ 20.10.2001.

Decisão

A Turma conheceu do recurso extraordinário, mas lhe negou provimento,nos termos do voto do Relator. Unânime. 1ª Turma, 24.05.2005.

Resumo Estruturado

- CONSTITUCIONALIDADE, CÔMPUTO, PERÍODO, REGIME PRIVADO, ATIVIDADE NOTARIAL, CÁLCULO, ADICIONAL POR TEMPO DE SERVIÇO, SERVIDOR PÚBLICO, INOCORRÊNCIA, OFENSA, CONSTITUIÇÃO FEDERAL. DESCABIMENTO, RECURSO EXTRAORDINÁRIO, AUSÊNCIA, PREQUESTIONAMENTO, MATÉRIA CONSTITUCIONAL.

Referências Legislativas

Observações

- Acórdãos citados: RE 77811 (RTJ-76524), RE 245171. - Veja Informativo 389 do STF. Número de páginas: (9). Análise:(PCD). Revisão:(). Inclusão: 26/01/06, (PCD).
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/14738264/recurso-extraordinario-re-235623-es

Informações relacionadas

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 22 anos

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX ES

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 17 anos

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX ES

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 48 anos

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE 77811 MT