jusbrasil.com.br
3 de Julho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - HABEAS CORPUS: HC 98675 ES

Supremo Tribunal Federal
há 13 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

HC 98675 ES

Órgão Julgador

Segunda Turma

Partes

MARCOS HENRIQUE MUNIZ COUTINHO, ADAM COHEN TORRES POLETO, RELATOR DO HC Nº 131537 DO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA

Publicação

DJe-157 DIVULG 20-08-2009 PUBLIC 21-08-2009 EMENT VOL-02370-05 PP-01023 RT v. 98, n. 889, 2009, p. 546-550 RSJADV out., 2009, p. 60-62

Julgamento

9 de Junho de 2009

Relator

Min. EROS GRAU

Documentos anexos

Inteiro TeorHC_98675_ES_1278959091271.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

HABEAS CORPUS. CONSTITUCIONAL E PROCESSUAL PENAL. PRISÃO PREVENTIVA. PACIENTE ACOMETIDO DE ENFERMIDADES GRAVES. RECONHECIMENTO, PELO ESTABELECIMENTO PRISIONAL, DE QUE NÃO TEM CONDIÇÕES DE PRESTAR ASSISTÊNCIA MÉDICA ADEQUADA. PRISÃO DOMICILIAR. HIPÓTESE NÃO ENQUADRADA NO ARTIGO 117 DA LEI DE EXECUÇÃO PENAL. EXCEPCIONALIDADE DO CASO. ARTIGO , INCISO III DA CONSTITUIÇÃO DO BRASIL [PRINCÍPIO DA DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA].

1. Autos instruídos com documentos comprobatórios do debilitado estado de saúde do paciente, que provavelmente definhará na prisão sem a assistência médica de que necessita, o estabelecimento prisional reconhecendo não ter condições de prestá-la.
2. O artigo 117 da Lei de Execução Penal determina, nas hipóteses mencionadas em seus incisos, o recolhimento do apenado, que se encontre no regime aberto, em residência particular. Em que pese a situação do paciente não se enquadrar nas hipóteses legais, a excepcionalidade do caso enseja o afastamento da Súmula 691-STF e impõe seja a prisão domiciliar deferida, pena de violação do princípio da dignidade da pessoa humana [artigo 1º, inciso III da Constituição do Brasil]. Ordem concedida.

Decisão

A Turma, por votação unânime, deferiu, em parte, o pedido de habeas corpus e, de ofício, estendeu ao corréu a ordem de habeas corpus, nos termos do voto do Relator. Ausente, justificadamente, neste julgamento, a Senhora Ministra Ellen Gracie. Presidiu, este julgamento, o Senhor Ministro Celso de Mello. 2ª Turma, 09.06.2009.

Resumo Estruturado

- VIDE EMENTA.

Referências Legislativas

Observações

Número de páginas: 11. Análise: 27/08/2009, MMR. Revisão: 01/09/2009, JBM.
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/14712902/habeas-corpus-hc-98675-es

Informações relacionadas

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 8 anos

Supremo Tribunal Federal STF - AG.REG. NA PRISÃO DOMICILIAR NA EXECUÇÃO PENAL: EP 1 DF

Tribunal de Justiça do Mato Grosso
Jurisprudênciaano passado

Tribunal de Justiça do Mato Grosso TJ-MT: 102XXXX-85.2020.8.11.0000 MT

Superior Tribunal de Justiça STJ - HABEAS CORPUS: HC 639410 SC 2021/0007391-7

Cezar Calife, Advogado
Modeloshá 5 anos

[Modelo] Habeas Corpus - Execução de alimentos

Superior Tribunal de Justiça STJ - HABEAS CORPUS: HC 560580 SP 2020/0029469-0