jusbrasil.com.br
9 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - PETIÇÃO: Pet 673 RJ

Supremo Tribunal Federal
há 29 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

TRIBUNAL PLENO

Partes

PARTIDO DOS TRABALHADORES - PT, CESAR MAIA

Publicação

Julgamento

Relator

Min. CARLOS VELLOSO

Documentos anexos

Inteiro TeorPET_673_RJ_1278882227834.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

- PETIÇÃO - NOTITIA CRIMINIS - SIGNIFICADO DA LOCUÇÃO CONSTITUCIONAL CRIME COMUM - DELITO ELEITORAL SUPOSTAMENTE COMETIDO POR DEPUTADO FEDERAL - POSTERIOR INVESTIDURA DO PARLAMENTAR FEDERAL NO MANDATO DE PREFEITO MUNICIPAL -"PERPETUATIO JURISDICTIONIS" - APLICABILIDADE DA SÚMULA 394 - SUBSISTENCIA DA COMPETÊNCIA PENAL ORIGINARIA DO STF. - O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL DISPÕE DE COMPETÊNCIA PENAL ORIGINARIA PARA PROCESSAR E JULGAR DEPUTADO FEDERAL QUE TERIA PRATICADO, NESSA CONDIÇÃO, DELITO ELEITORAL, AINDA QUE, EM MOMENTO POSTERIOR, TENHA ELE SIDO INVESTIDO NO MANDATO DE PREFEITO MUNICIPAL. O POSTULADO DA "PERPETUATIO JURISDICTIONIS", SUBJACENTE A FORMULAÇÃO CONSUBSTANCIADA NA SÚMULA 394/STF, TORNA INTEGRA ESSA COMPETÊNCIA PENAL ORIGINARIA ANTE A CONSTATADA RELAÇÃO DE CONTEMPORANEIDADE ENTRE A SUPOSTA PRATICA DELITUOSA E O EXERCÍCIO DO MANDATO PARLAMENTAR. - A LOCUÇÃO CRIME COMUM COMPREENDE, NA ABRANGENCIA DO SEU SENTIDO CONCEITUAL, OS DELITOS DE NATUREZA ELEITORAL. O CONGRESSISTA QUE OS PRATIQUE SUBMETE-SE, "OPE CONSTITUTIONIS", A JURISDIÇÃO PENAL ORIGINARIA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.

Resumo Estruturado

PP0279, COMPETÊNCIA JURISDICIONAL CRIMINAL, PRERROGATIVA DE FUNÇÃO, DEPUTADO FEDERAL, CRIME COMUM, CRIME ELEITORAL, OCORRENCIA, MANDATO ELETIVO, EXERCÍCIO

Referências Legislativas

Observações

VOTAÇÃO: POR MAIORIA. RESULTADO: RECONHECIDA A COMPETÊNCIA DO STF. VEJA CJ-6971, RTJ-138/93, RTJ-90/950, RTJ-91/423, RTJ-32/614, RTJ-33/590. TOTAL DE PAGINAS: 14. ANALISE: (JBM). REVISÃO: (NCS). INCLUSAO: 24.09.93, (MK). ALTERAÇÃO: 04.10.93, (MV).
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/14707485/peticao-pet-673-rj

Informações relacionadas

Felipe Coutinho Raimundo, Advogado
Artigoshá 5 anos

Aspectos legais da verificação preliminar de informação no inquérito policial

Flávio Drummond, Bacharel em Direito
Artigoshá 3 anos

Contributo para o estudo do crime de corrupção eleitoral no Brasil

Paulo Queiroz
Artigoshá 10 anos

Denúncia anônima

Denúncia anônima isolada não pode iniciar investigação

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 12 anos

Supremo Tribunal Federal STF - HABEAS CORPUS: HC 95244 PE