jusbrasil.com.br
11 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX SP

Supremo Tribunal Federal
há 29 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

Tribunal Pleno

Partes

ROQUE TAMBURINI JUNIOR, JOSÉ LUIZ COELHO DELMANTO, RAULINA COBRA VIVAS E OUTROS, UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA UNESP, ELIETE DE SOUZA FERREIRA NACARATO

Publicação

Julgamento

Relator

Min. SEPÚLVEDA PERTENCE

Documentos anexos

Inteiro TeorRE_162620_SP_1278881105848.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

Servidor público estadual: aposentadoria: cômputo do tempo anterior de contribuições ao sistema geral de previdência social correspondente ao desempenho de atividades privadas ( CF, art. 202, § 2º): inconstitucionalidade de seu condicionamento, por força de normas jurídicas locais, a um número mínimo de contribuições ao sistema previdenciário estadual.

1. Só a lei federal poderá dispor, com fundamento no art. 202, § 2º, da Constituição, sobre os critérios de compensação financeira entre os sistemas de previdência social, em cada hipótese de aposentadoria mediante contagem recíproca de tempo de contribuições.
2. De qualquer modo, a previsão constitucional de um mecanismo legal inter-previdenciário de compensação financeira entre os sistemas elide qualquer razão de ser da exigência de um mínimo de contribuições do servidor ao sistema que lhe deva pagar a inatividade: o custeio da aposentadoria há de provir da compensação devida, independentemente do número de contribuições pagas a entidade que a deva conceder e satisfazer.
3. Inconstitucionalidade parcial do art. 132 da Constituição do Estado de São Paulo; revogação, por incompatibilidade com a Constituição Federal superveniente, do art. da LC 269/81, do mesmo Estado.

Acórdão

RE XXXXX AgR ANO-1998 UF-SP TURMA-02 N.PÁG-006 Min. MAURÍCIO CORRÊA DJ 29-05-1998 PP-00007 EMENT VOL-01912-02 PP-00428 RE XXXXX ANO-1998 UF-SP TURMA-02 N.PÁG-005 Min. NÉRI DA SILVEIRA DJ 04-09-1998 PP-00017 EMENT VOL-01921-05 PP-00942 RE XXXXX ED ANO-2001 UF-SP TURMA-02 N.PÁG-006 Min. NÉRI DA SILVEIRA DJ 18-05-2001 PP-00448 EMENT VOL-02031-06 PP-01264 RE XXXXX ANO-2001 UF-SP TURMA-01 N.PÁG-004 Min. SEPÚLVEDA PERTENCE DJ 24-08-2001 PP-00062 EMENT VOL-02040-06 PP-01239

Resumo Estruturado

AD2554, SERVIDOR PÚBLICO, APOSENTADORIA, CONTAGEM RECÍPROCA, TEMPO DE SERVIÇO, ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, ATIVIDADE PRIVADA, CONTRIBUIÇÃO, CARÊNCIA, INCONSTITUCIONALIDADE. AD2554, SERVIDOR PÚBLICO, APOSENTADORIA, COMPENSAÇÃO FINANCEIRA, DIVERSIDADE, SISTEMA PREVIDENCIÁRIO, CRITÉRIOS, FIXAÇÃO, LEI FEDERAL, EXIGÊNCIA.

Referências Legislativas

Observações

Votação: Unânime. Resultado: Conhecido e provido. Veja : ADI-2. Número de páginas: (21). Análise:(DMY). Revisão:(NCS). Inclusão : 10.11.93, (MK). Alteração: 09/02/06, (MLR).
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/14707170/recurso-extraordinario-re-162620-sp

Informações relacionadas

Supremo Tribunal Federal
Notíciashá 3 anos

STF vai decidir sobre regime previdenciário de servidor federal que ocupava anteriormente cargo público de outro ente federado

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciaano passado

Supremo Tribunal Federal STF - RECLAMAÇÃO: Rcl 48157 SP XXXXX-29.2021.1.00.0000

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciaano passado

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE XXXXX MS XXXXX-57.2015.8.12.0001

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 4 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp XXXXX SP 2012/XXXXX-0

SERVIDOR PÚBLICO FEDERAL EGRESSO DE OUTRO ENTE FEDERATIVO PODE OPTAR ENTRE FUNPRESP OU REGIME PREVIDENCIÁRIO ANTERIOR