jusbrasil.com.br
29 de Janeiro de 2022
2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Supremo Tribunal Federal STF - MANDADO DE SEGURANÇA : MS 0092732-13.2020.1.00.0000 DF 0092732-13.2020.1.00.0000

Supremo Tribunal Federal
ano passado
Detalhes da Jurisprudência
Partes
IMPTE.(S) : LEONARDO MEDEIROS MAGALHAES, IMPDO.(A/S) : PRESIDENTE DA REPÚBLICA
Publicação
05/11/2020
Julgamento
3 de Novembro de 2020
Relator
MARCO AURÉLIO
Documentos anexos
Inteiro TeorSTF_MS_37132_d1575.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Decisão

DESPACHO JULGAMENTO VIRTUAL – EXCEPCIONALIDADE. 1. A crise é aguda. Sem qualquer previsão de o Tribunal voltar às sessões presenciais, há de viabilizar-se, em ambiente colegiado, a jurisdição. 2. Aciono, em caráter excepcional, o sistema virtual e passo a liberar, considerado o fator tempo, os processos. 3. Publiquem. Brasília, 3 de novembro de 2020. Ministro MARCO AURÉLIO Relator
Disponível em: https://stf.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1117641056/mandado-de-seguranca-ms-37132-df-0092732-1320201000000

Informações relacionadas

6 - Liberdade de expressão: proibição do bloqueio de usuários no Twitter pelo Presidente da República

4 - O Direito Eleitoral e as deepfakes: o impacto do machine learning nas eleições

Doutrina2021 Editora Revista dos Tribunais

Art. 37 - Seção I. Disposições Gerais